Bolsonaro é transferido para São Paulo para tratar obstrução intestinal e poderá ser operado

A Secretaria de Comunicação da Presidência da República divulgou nota, afirmando que Jair Bolsonaro foi avaliado pelo cirurgião Antônio Luiz Macedo. Ele estava no Hospital das Forças Armadas, em Brasília. O médico é quem acompanha o presidente desde a facada sofrida ás vésperas da eleição de 2018.

De acordo com a nota, por conta de sua internação na madrugada desta quarta-feira (14), e foi diagnosticado um caso de obstrução e orientou que ele fosse levado, para São Paulo para avaliar a necessidade de uma cirurgia de emergência, o que está ocorrendo neste fim de tarde.

Através das redes sociais o presidente postou uma foto com um padre, dentro do leito hospital e disse que essa situação é mais um reflexo da tentativa de assassinado que sofreu, segundo ele promovido por um indivíduo que tem ligação com o PSOL e o PT e que agradece o apoio e orações das pessoas.

>> Curta o Mesorregional no Facebook
>> Siga o Mesorregional no Twitter
>> Entre no canal do Mesorregional no Telegram
>> Converse com o Mesorregional pelo WhatsApp
>> Acompanhe o Mesorregional no Instagram
>> Inscreva-se em nosso canal do YouTube

Foto: Reprodução / Facebook

error: Conteúdo Protegido !!