Polícia Civil confirma que versão de filho que assassinou o pai, foi para defender a si mesmo e sua mãe

Estava cansado de sofrer com a violência que seu pai aplicava contra sua mãe e a ele, explicou para a Polícia Civil, Alex Sandro Floriano, de 20 anos, que foi preso em flagrante no fim da tarde desta quarta-feira (12), no bairro Progresso em Blumenau, suspeito de agredir seu pai com uma barra de ferro, o que causou a morte de Amaurildo Floriano, de 49 anos.

O crime aconteceu na residência da família. Segundo o delegado Bruno Effori da divisão de homicídios, Alex Sandro relatou na delegacia que seu pai, Amaurildo fazia uso de drogas há aproximadamente 20 anos e costumava ameaçá-lo de morte e rotineiramente agredia fisicamente sua mãe. O jovem ainda afirmou ter agido em legítima defesa, após seu pai tentar agredi-lo com um facão.

O suspeito não possui passagem policial. Já contra a vítima estava registrado boletim de ocorrência por violência doméstica. Por se tratar de prisão em flagrante, o caso não ficará sob a responsabilidade da divisão de homicídios da Polícia Civil, e sim com o delegado que estava de plantão, Dr. Raphael Werling de Oliveira.

error: Conteúdo Protegido !!