Paralisação de caminhoneiros já mobiliza população em diversas cidades do país

No sexto dia de paralisação dos caminhoneiros, a população resolver apoiar o movimento dos motoristas que lutam por melhores condições de trabalho e redução na carga tributária dos combustíveis no Brasil. Em Blumenau e diversas outras cidades do Vale do Itajaí e do Brasil. Agricultores, motociclistas, motoristas de vans e a população em geral passou a apoiar os grevistas em pontos e paralisação. Em Luiz Alves, por exemplo, agricultores conduziram tratores até a BR-470, em Navegantes, para unir forças na greve.

Em Blumenau um grupo de moradores da região norte da cidade fez uma passeata do posto da Polícia Rodoviária Federal até a com Gaspar, onde caminhoneiros está acampados deste a última segunda-feira (21). Mais de uma centena de pessoas foram caminhando pela rodovia, na pista de rolamento sentido litoral. Com carros de som e gritos de ordem contra a corrupção e em apoio ao movimento de quem trabalha com o transporte rodoviário de carga.

Caminhoneiros recebem apoio de mais manifestantes nas rodovias do Vale do Itajaí.

Publicado por Notícias Vale do Itajaí em Sábado, 26 de maio de 2018

 

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

Também em Blumenau, moradores da região sul, se reunirão em frente ao batalhão do Exército na Rua Amazonas, onde fizeram uma concentração para cantar o Hino Nacional e também manifestar repúdio contra governantes corruptos. Confira as imagens cedidas ao Notícias Vale do Itajaí pelo jornalista Leonardo Alegri, que esteve na manifestação em frente ao 23º Batalhão de Infantaria, no bairro Garcia:

 

Governo

Em alguns estados e municípios, governadores e prefeitos tomaram providências emergenciais para evitar o desabastecimento de produtos básicos e combustíveis. Na noite de ontem por exemplo, a Polícia Militar (PM) escoltou até Blumenau, um caminhão tanque com combustível, para atender demandas da do setor de segurança pública. A escolta foi realizada com o acompanhamento do comandante do 10º Batalhão da PM, o tenente coronel Jefferson Schimidt.

Foto: Divulgação / Polícia Militar

 

No início da noite de hoje (26) o governador de São Paulo, Marcio França, fez uma proposta que pode ser mais efetiva do que a proposta do Palácio do Planalto, para com os caminhoneiros. Além de conversar com quem integra o movimento, ele garantiu benefícios como a redução de preço de combustível na bomba dos postos e também a não cobrança de pedágios para caminhões vazios nas rodovias estaduais de seu estado.

Por volta das 21h os representantes dos caminhoneiros mobilizados naquele estado devem dar um retorno se aceitam ou não a proposta assinada por França que disse que “quando se tem vontade política, tudo se resolve” demonstrando uma ingenuidade menor do que a do Palácio do Planalto.

 

Foto em destaque: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

error: Conteúdo Protegido !!