Audiência Pública na Câmara de Vereadores inicia debate sobre a regulamentação do Uber em Blumenau

A Audiência Pública proposta pelo vereador Ricardo Alba (PP) contou com a participação de outros seis vereadores, representantes do Executivo incluindo o vice-prefeito Mário Hildebrandt (PSB), o secretário de Desenvolvimento Urbano, Ivo Bachmann e representantes do Seterb, além de representantes de classes.

Fotos: Jessica de Morais / CMB

 

O representante da Coopertáxi, Ranieri Severino Gomes, também esteve no encontro para defender o serviço dos taxistas, que operaram através de cerca de 184 táxis e afirmou que impostos recolhidos e que os motoristas da classe cumpre obrigações exigidas. Para ele, os corredores exclusivos para ônibus deveriam ser liberados tambpems para os taxistas.

Já o representante dos motoristas que estão operando pelo Uber em Blumenau, Luiz Garcia Soares, destacou que atualmente mais de 80 mil blumenauenses são atendidos pelo aplicativo na cidade e que há 600 motoristas cadastrados submetidos a um sistema de avaliação rigoroso que garante a qualidade do serviço e afirmou que tanto o serviço de taxa, quanto de aplicativos podem atuar juntas, com respeito a concorrência.

O debate foi voltado a autorização e regulamentação do serviço de aplicativos de ‘carona’ e ‘aluguel’ de veículos em Blumenau.

 

Outros modais: bicicletas, transporte coletivo e infraestrutura

O diretor do Transportes do Seterb, Nilton Spengler e vereadores da base governista defenderam a utilização dos ônibus como meio de deslocamento alternativo.

O ciclista Ivan Bartel, que utiliza a bicicleta para o deslocamento até o trabalho desde 2008, criticou a falta de segurança para os ciclistas afirmando que o Município não oferece estrutura. O vice-prefeito Mário Hildebrandt falou sobre a malha cicloviária e a integração do transporte e garantiu que haverá investimentos nos setores, com a implantação de dois novos terminais urbanos, por exemplo. Ainda destacou que não se descarta a utilização dos corredores de ônibus por outros modais de transporte, mas sustentou que é preciso avaliar a situação para o futuro. Anunciou que em breve será assinada ordem de serviço para elaboração de um plano de segurança viária.

O parlamentar Adriano Pereira (PT) lamentou a falta de pontes na cidade e cobrou um projeto para ligação dos bairros Velha e Garcia.

 

Proposta

Ao final, o presidente do Legislativo, Marcos da Rosa (DEM) agradeceu todas as contribuições e disse que a Câmara não vai se furtar do debate em relação ao Uber e aos taxistas. Relatou que conversou com o presidente do Seterb, Carlos Lange, que informou que ainda no início deste mês de agosto entregará para Procuradoria Geral do Município uma proposta de regulamentação do Uber.

 

Confira a audiência na íntegra gravada pela TVL:

error: Conteúdo Protegido !!