Comandante Moisés alega gripe e falta ao último debate do segundo turno

O catarinense teria nesta noite de quinta-feira, dia 25, a oportunidade de conhecer e detalhar as propostas e projetos para o Governo do Estado. Teria, porque pela quarta vez o candidato Comandante Moisés, do PSL, 17, alegou problemas – desta vez de saúde – para não comparecer a um compromisso. O de hoje, o último debate deste segundo turno promovido pela Rede NSC de Televisão.

A explicação é um problema de saúde, que se resume a uma “infecção aguda das vias aéreas superiores”. Conforme consta em uma nota divulgada pela assessoria de Moisés, o problema não parece ser grave, uma que Moisés sequer foi ao hospital, pois foi atendido em casa, o que pode ser entendido pelo eleitor, que foi alegado um problema de saúde para fuga do debate.

Pelas regras, assinadas na última semana pela assessoria dos dois candidatos, Comandante Moises e Gelson Merisio, PSD, 55, em caso de desistência de uma das partes, o debate seria transformado em entrevista. Uma exposição justa, porém, unilateral, que inviabiliza o eleitor de analisar quem tem mais preparo para governar o estado.

Exposição de Moises vem sendo evitada

Durante o segundo turno das eleições para o governo de Santa Catarina, o candidato do PSL, Comandante Moisés cancelou a participação em diversos compromissos pelo estado. Conforme noticiado pelo Notícias Vale do Itajaí nos últimos dias, Moisés deixou de participar de eventos importantes no norte do estado com empresários e Bombeiros Voluntários, alegando “incompatibilidade de agenda”. Os avisos, porém, surgiram sempre em cima da hora dos eventos. O candidato também não veio ao Vale do Itajaí neste período da campanha, faltando inclusive a compromisso com a Associação Empresarial de Blumenau.

Não se sabe se é uma tática adotada pela chapa, mas a candidata a vice-governadora, Daniela Cristina Reinehr também cancelou a ida em um debate que ocorreria no último dia 18, na Rádio Clube de São João Batista, no Vale do Rio Tijucas. Apesar de confirmar presença, o aviso de que a agenda estava comprometida só foi feito no dia em que o encontro com vice oponente, João Paulo Kleinübing, iria acontecer. Por conta da falta, foi concedida uma entrevista a Kleinübing, como também será realizada ao candidato Gelson Merisio, do PSD na noite de hoje.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

Militantes do PSL divulgam através das redes sociais, que Carlos Moisés estaria em Blumenau no próximo sábado, dia 27, véspera das eleições desse segundo turno. Um atestado médico divulgado pelo partido demonstra que para recuperação de sua saúde são necessários três dias de repouso, ou seja, Moisés realmente não deve vir a Blumenau, ou então, seria como quando uma criança fala pra mãe que tá com dor de cabeça em dia de prova pra não ir pra escola.

Confira abaixo o atestado médico e a nota divulgada sobre a impossibilidade de participação no debate eleitoral desta noite:

Fotos: Divulgação / PSL- SC

 

 

Please follow and like us:
error: Conteúdo Protegido !!