“Faça Bonito, Proteja nossas Crianças e Adolescentes”

O dia 18 de Maio – “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no território brasileiro e que já alcançou muitos municípios do nosso país.

Por que esse dia foi escolhido ? Porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), aconteceu um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune.

Então perguntamos: como podemos fazer para o 18 de Maio ser maior que um dia, maior que um mês? Como podemos além da data, destacar as graves violações de direitos de crianças e adolescentes e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos sexuais de crianças e adolescentes? É preciso garantir a toda criança e adolescente o direito ao desenvolvimento de sua sexualidade de forma segura e protegida, livres do abuso e da exploração sexual. O Mesorregional vai abordar nesta semana vários aspectos desta causa. Acompanhe!

A Região do Vale do Itajaí adere à campanha e se enfeita com a Flor Amarela, símbolo do projeto, para alertar a causa em suas cidades.

Foto: oficial da campanha

Em Gaspar, a campanha acontece desde 2016 e, este ano, será realizada pelas plataformas digitais do Conselho Tutelar de Gaspar, com posts e indagações sobre o tema. O dia 18/05 pertence ao Maio Laranja, um mês com a intenção de gerar debates de prevenção e conscientização sobre o cenário brasileiro quanto ao abuso e exploração de jovens no país.

Em Salete, a flor amarela passa a fazer parte da fachada dos prédios do Poder Executivo e Legislativo de Salete. A Secretaria de Assistência Social através do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) iniciou a campanha na quinta-feira (14), com ações promovidas sem aglomeração de pessoas.

Em Taió, a proposta anual da campanha é destacar a data para mobilizar, sensibilizar, informar e convocar toda a sociedade a participar da luta em defesa dos direitos de crianças e adolescentes. Devido a pandemia do novo coronavírus, foi feito um vídeo e divulgado nas redes sociais, pedindo pra todos compartilharem.

Em Trombudo Central, a prefeitura fez a divulgação do Disque 100, reforçando que funciona diariamente, 24 horas por dia, incluindo sábados, domingos e feriados. As ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem gratuita, anônima, de qualquer terminal telefônico fixo ou móvel.

O município de Aurora também lembrou do dia e fez a divulgação do projeto em sua comunicação.

Na cidade de Brusque, foi lembrado que com a quarentena, a casa, que deveria inspirar tranquilidade e proteção, pode ser também um espaço de violência. As crianças e as pessoas ficam mais retidas e acabam não denunciando. Foi feito um alerta para a importância da denúncia.

Ascurra divulgou seu apoio à causa, informando que qualquer denúncia referente à Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes pode e deve ser feita no Disque 100, ou ainda diretamente ao Conselho Tutelar (inclusive podento optar pelo anonimato para preservar a identidade de quem está denunciando).

A cidade de Bombinhas deu dicas para identificar sinais de abuso infanto-juvenil, alertando que é fundamental entender que geralmente as vítimas apresentam um conjunto de indicadores e que a criança deve passar por avaliação especializada caso apresente alguns desses sinais.

Em Guabiruba, foi divulgado que esquecer é permitir, lembrar é combater, e, que não é porque você não está sabendo que não possa ter um caso de abuso infantil à sua volta.

A Prefeitura de Itapema, em parceria com a Secretaria de Assistência Social e de Lazer, o Conselho Tutelar e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA) realizam anualmente a Campanha Itapema Faz Bonito, este ano a conscientização será nas redes sociais oficiais do município e nos locais de atendimento como Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS).

Ituporanga, as atividades da campanha antes eram realizada nas escolas, e, este ano, as secretarias de Assistência Social e Educação do Município uniram-se para trabalhar o tema. Desta forma, o conteúdo chegará até as crianças. Para tanto, os professores da rede municipal, estadual e privada de ensino receberam um material desenvolvido pela Secretaria de Assistência Social através do Conselho Municipal de direitos da criança e adolescentes, Conselho tutelar e Secretaria de educação.
No decorrer desta semana, o conteúdo será trabalhado através de músicas e vídeos educativos e atividades com as turmas do 1º ano do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio. Além disso, um carro de som percorrerá todas as localidades do Município de Ituporanga levando informação para a população, sobre os objetivos da Campanha e contatos para denúncia.

O município de Luis Alves, também falou sobre a campanha e suas diretrizes nas divulgação do dia.

Em Navegantes, o Conselho Tutelar fez um alerta à sociedade para esse dia e informou o novo horário do local, e enfatizando as emergências com 24 horas de atendimento.

Porto Belo postou uma indagação sobre o tema: Por que falar em violência sexual contra crianças e adolescentes? Por dois importantes motivos: Primeiro, porque a violência sexual contra crianças e adolescentes é uma prática que infelizmente ainda acontece em todo o Brasil. Segundo, para que o país enfrente e supere essa grave situação, é preciso conhecer muito bem o problema. Isso vai ajudar você a proteger os direitos de crianças e adolescentes.

Na cidade de Pouso Redondo, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação, através do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), realizou, nesta segunda-feira (18), uma ação em alusão à campanha e distribuiu material da campanha Faça Bonito nas Unidades de Saúde do município. Neste ano, a campanha foi realizada também através das mídias sociais, em virtude do Covid-19.

Em Balneário Camboriú, destacou hoje o papel do Conselho Tutelar para combater a violência de crianças e adolescentes como fundamental, dando suporte necessário às vítimas deste crime. A população também tem função importante e pode denunciar havendo qualquer tipo de suspeita, pois sem o convívio escolar, devido à suspensão das aulas, fica mais difícil o Conselho Tutelar ter conhecimento dos abusos. No entanto, é importante que a sociedade se mantenha engajado e continue realizando as denúncias, diante de qualquer situação suspeita.

A Prefeitura de Rodeio realiza anualmente a Campanha e hoje lembrou novamente em seus canais de divulgação.

Foto: Divulgação Campanha

error: Conteúdo Protegido !!