Impeachment: desembargadores do novo tribunal de julgamento foram definidos

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) definiu nesta segunda-feira (26), por sorteio, os cinco desembargadores que integrarão o tribunal especial de julgamento para deliberar sobre o segundo pedido de processo de impeachment movido contra o governador Carlos Moisés da Silva.

O pedido se refere à compra dos respiradores pulmonares pelo governo do Estado, à tentativa da contratação do hospital de campanha de Itajaí, e outros fatos apurados.


>> Curta o Mesorregional no Facebook
>> Siga o Mesorregional no Twitter
>> Entre no canal do Mesorregional no Telegram
>> Acompanhe o Mesorregional no Instagram
>> Inscreva-se em nosso canal do YouTube

Os magistrados, Luiz Zanelato, Sônia Maria Schmitz, Rosane Portela Wolff, Luiz Antônio Zanini Fornerolli e Roberto Lucas Pacheco foram selecionados entre 81 nomes possíveis.

Considerando a complexidade do novo processo, o juiz auxiliar da Presidência, Cláudio Eduardo Regis de Figueiredo e Silva, observou que deverá ser organizada uma agenda para a tramitação em paralelo dos dois processos. “Esse segundo processo é muito mais complexo. Nós o recebemos na última quinta-feira. São 47 volumes, mais de 8 mil páginas. Há vários fatos abrangidos no pedido. Estamos analisando, dada a complexidade, para montar uma agenda caso ocorra a tramitação em paralelo dos dois processos”, anunciou.

Foto: TJSC / Divulgação

error: Conteúdo Protegido !!