Madrugada de sexta-feira começa com mais morte criminosa em Blumenau

Mais um assassinato foi registrado em Blumenau. O crime acontecei nesta sexta-feira (1º) nos primeiros minutos da madrugada na Rua Cláudia Sievert, transversal da Rua Vereador Romário da Conceição Badia, bairro Itoupava Norte. A vítima foi atingida por dois disparos de arma de fogo na região do coração. Segundo populares, ele chegou a tentar pedir socorro após ser atingido, mas em poucos minutos perdeu a vida, antes mesmo da chegada da equipe médica do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Antes da chegada do SAMU, a Polícia Militar (PM) foi até o local, para garantia da segurança no atendimento do SAMU e na tentativa de localizar suspeitos do crime, mas vizinhos relataram não ouviram nenhum outro barulho além dos dois estampidos dos tiros e que não viram nenhum veículo na via, tão pouco pessoas em atitudes suspeitas ou desconhecidas momentos antes do crime que retirou a vida de Robson Gonçalves, de 32 anos, que morava a poucos metros de onde foi assassinado.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

A ex-companheira de Gonçalves, que possui duas filhas com a vítima, informou que ele foi chamado por uma pessoa, no qual ela não tem conhecimento. Também relatou as autoridades que Robson era usuário de drogas. Assim que a polícia teve acesso a identidade da vítima, através de consulta em sistema, foi constatado que ele possuía informações penais, inclusive por suspeita de tráfico de drogas. Em seguida a Polícia Civil e o Instituto Geral de Perícias foram acionados e o corpo do homem foi encaminhado para o Instituto Médico Legal.

Entre janeiro e novembro deste ano, mais de 40 pessoas foram assassinadas em Blumenau, número que confirma o aumento da violência e a pior estatística da história, em um ano. No fim da tarde de ontem (29) um outro homicídio foi registrado no bairro Progresso, onde um jovem de 22 anos também teve a vida ceifada por bandidos que usaram arma de fogo.

 

Foto: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

error: Conteúdo Protegido !!