Monumentos de Blumenau e outros lugares do mundo ganham máscaras

Campanha usa obras históricas para incentivar a população a intensificar proteção contra o Covid-19.

Para enfatizar ainda mais a medida de prevenção para uso de máscaras, a prefeitura de Blumenau colocou o utensílio de segurança nos monumentos de algumas figuras e personagens importantes da cidade. O trabalho foi conduzido nesta segunda-feira, dia 27 de abril, pelas secretarias de Cultura e Relações Institucionais e Conservação e Manutenção Urbana.

Os monumentos que receberam as máscaras em Blumenau foram: Dr Blumenau, Edith Gaertner, os gatos do Cemitério de Gatos, Manneken Pis, Alwin Schrader., Fritz Müller, Olavo Bilac, Victor Konder, Voluntários da Pátria, Monumento ao Estudante, Martinho Lutero – autorizado pela Igreja Luterana, Padre José Maria Jacobs – autorizado pela Catedral, Monumento Carlos Gomes – autorizado pelo Teatro Carlos Gomes, Monumento Índio Peri – autorizado pelo Teatro Carlos Gomes

Monumento em Blumenau – Foto: Divulgação PMB

A proposta de chamar a atenção e sensibilizar a população sobre o uso da máscara utilizando os suportes de monumentos vem ganhando forma em todo o mundo.

No Rio de Janeiro, a réplica do Cristo Redentor na Praia do Leme

Foto: Ricardo Moraes/Reuters 

Em Bruxelas, na cidade da Bélgica, a estátua de Manneken Pis,que junto com o chocolate e a cerveja, ocupa um dos principais postos representativos de Bruxelas, também está protegido.

Foto: Francois Lenoir/Reuters

Em Varginha, o monumento feito em homenagem ao “aparecimento do extraterrestre”, o ET aderiu à campanha.

(Foto: Reprodução / EPTV)

Estátua de Vicente Guerrero, independentista mexicano que ocupou a presidência e tem seu monumento erguido no local onde Guerrero foi fuzilado, na cidade do México.

Foto: Henry Romero/Reuters
error: Conteúdo Protegido !!