Os desafios do professor em tempos de Covid-19

Uma das profissões mais importantes e gratificantes da sociedade, a de professor, é comemorada nesta quinta-feira, dia 15 de outubro. O que muita gente não sabe, é que para ser professor, hoje em dia, são várias as dificuldades enfrentadas. Há um tempo atrás, por exemplo, os alunos eram obrigados a obedecer a uma lógica de espaço, com regras definidas de cima para baixo e com pouca ou nenhuma possibilidade de argumentação. Poucos participavam das aulas, porque isso não era necessário, bastava o professor falar que os alunos eram obrigados a ouvir ou fingir que estavam ouvindo. Hoje em dia, além da falta de concentração dos alunos, que estão cada vez mais conectados e dispersos, querendo respostas mais rápidas, surgiu a pandemia, e os professores encontraram mais um obstáculo no processo de ensino-aprendizagem.

Juliana Leoni Schmitt, professora do 5º ao 9º ano do fundamental e 1ª série do ensino médio, comenta que desde o mês de março, quando foi anunciado o isolamento social e decidido para a educação as atividades não presenciais, o professor precisou diversificar suas estratégias de aula a partir de critérios já conhecidos e possibilitar a interação do aluno com os conteúdos a serem aprendidos de forma online. “Buscamos atingir todas as crianças da melhor forma possível, mas enfrentamos dificuldades, como a utilização de equipamentos próprios, que, às vezes, não suportam a quantidade de conteúdo de forma dinâmica, e as necessidades dos nossos filhos, como alimentação, por exemplo. Também entendo que, diante das circunstâncias, o isolamento é fundamental para a segurança de todos, mas, a meu ver, a proposta de ensino com atividades não presenciais não é a ideal”, declara Juliana.

“Além da falta de contato com os alunos, que eu acredito ser fundamental no processo, hoje, o professor precisa ter excelência acadêmica e dominar os conceitos para criar mobilidade mental em seus alunos, fazendo com que reflitam, participem dos conteúdos e tenham vontade de aprender a partir das propostas que apresentamos a eles. Nosso desafio é cada dia maior para criar aulas motivadoras nas quais os alunos sejam convidados a participar ativamente e a aprendizagem ocorra de maneira natural”, finaliza a professora.

Foto: Divulgação / Elaine Malheiros

error: Conteúdo Protegido !!