Vereador de Blumenau quer explicações de Raimundo Colombo sobre delações de executivos da JBS

Dois requerimentos apresentados pelo vereador Adriano Pereira, do PT, foram rejeitados durante a sessão desta quinta-feira (25) na Câmara de Vereadores de Blumenau. Um dos requerimentos solicitava explicações ao governador Raimundo Colombo (PSD), sobre as delações de executivos da JBS que envolveram seu nome. Já ou outro solicitava providências à Assembleia Legislativa de Santa Catarina para que deputados entrassem com pedido de impeachment contra o governador, devido ás delações de Joesley e Wesley Batista consequência da Operação Lava Jato.

O vereador sempre usou a tribuna da casa legislativa blumenauense para defender membros de seu partido perante as mais diversas delações que atingiram principalmente os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Vana Rousseff, inclusive a deputada estadual Ana Paula Lima e o deputado federal e ex-prefeito de Blumenau, Décio Nery de Lima, ambos com domicílio eleitoral em Blumenau e que também foram citados em delações (de ex-diretores da Odebrecht). De acordo com  Justiça Eleitoral, o Partido dos Trabalhadores também foi o partido que mais recebeu doações da JBS nas últimas eleições.

Na sessão da última terça-feira (23) Pereira também criticou o presidente Michel Temer (PMDB) e os próprios executivos delatores da JBS. “Raimundo Colombo recebeu a maioria dos votos dos eleitores blumenauenses e deve explicações para todos nós.” comentou o único vereador petista de Blumenau. Ao comentar a rejeição pela maioria dos vereadores Adriano disse que “se o governador fosse do PT, todos os vereadores teriam uma posição diferente” afirmando que os demais partidos perseguem a legenda que ele representa.

Os requerimentos geraram um debate “caloroso” entre os vereadores. José de Souza (Zeca Bombeiro) do partido Solidariedade, afirmou que os vereadores foram eleitos “para trabalhar por Blumenau e não para servir de palanque de circo e de teatro para partido nenhum e político nenhum.” Bombeiro ainda afirmou que os requementos de Adriano Pereira de “piada”.

 

Dois projetos de lei que instituem datas comemorativas no Calendário Oficial do Município

Dois projetos de lei foram aprovados em segunda votação nesta quinta-feira. Um deles é de autoria do vereador Gilson de Souza (PSD), que institui e inclui no Calendário Oficial de Blumenau, o Agosto Laranja, que visa a Conscientização da Mielomeningocele. Já o outro projeto é de autoria de Adriano Pereira, que cria o Dia Municipal da Empregada Doméstica, no dia 27 de abril, juntamente com o Dia Nacional.

Os dois projetos ainda precisam ser votados em redação final e sancionados pelo prefeito Napoleão Bernardes (PSDB) para virarem leis.

 

Confira na íntegra a Sessão Ordinária desta quinta-feira na Câmara de Vereadores de Blumenau:

 

Foto: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Conteúdo Protegido !!