Comando da PM se manifesta sobre homicídio de policial na madrugada desta quarta-feira (19)

O comando do 10º Batalhão de Polícia Militar (10º BPM) de Blumenau se manifestou na tarde de hoje (19), através  de uma Nota, referente ao trágico caso de um homicídio que ocorreu na última madrugada na cidade. De início a afirmação era que não haveria manifestação sobre o caso, mas devido a repercussão do fato, e principalmente “por respeito à dor das famílias, dos amigos e dos companheiros de farda; os inúmeros questionamentos surgidos e a ampla divulgação do referido episódio” fez com a posição fosse reconsiderada.

A Nota fala especificamente sobre a conduta do sargento Cleverton Fernando Zimmermann enquanto policial militar, o que reafirmou o que trouxe a pauta divulgada na nesta manhã pelo Notícias Vale do Itajaí e afirmação de que o 10º BPM que se mantém à disposição das instituições responsáveis para auxiliar no que for necessário ao esclarecimento dos fatos.

 

Confira abaixo a Nota Oficial do 10º BPM:

NOTA À IMPRENSA
 
Muito embora o 10º Batalhão de Polícia Militar tivesse a intenção de não se manifestar sobre a fatalidade que se abateu sobre a sociedade blumenauense, e, especificamente sobre esta unidade policial militar na última noite, por respeito à dor das famílias, dos amigos e dos companheiros de farda; os inúmeros questionamentos surgidos e a ampla divulgação do referido episódio nos fez reconsiderar essa posição inicial. 

Sendo assim, o Comando do 10º Batalhão de Polícia Militar (Oficiais e Praças) sente-se na obrigação de prestar os seguintes esclarecimentos: 

O 10º BPM lamenta a tragédia que eclodiu na morte de um policial militar lotado nesta unidade, na madrugada do dia 19 de abril de 2017, mantendo-se a disposição das instituições responsáveis para auxiliar no que for necessário ao esclarecimento dos fatos, que serão amplamente esmiuçados através das investigações e do Poder Judiciário. 

Registra-se que a ficha de conduta do referido policial indica o comportamento no nível excepcional, apontando ser ele detentor de diversos elogios por serviços prestados, possuidor de duas condecorações, uma por mérito pessoal e outra por dez anos de serviço, e, desde sua inclusão (16.01.2006) na Polícia Militar de Santa Catarina, não possui qualquer histórico de punição disciplinar. 

No ambiente de trabalho, é conhecido por todos pelo seu fino trato e educação apurada com seus superiores, pares e subordinados, além de extremamente responsável e comprometido com as tarefas diárias e as causas da segurança pública, mostrando-se sempre disponível para auxiliar aqueles que precisavam. Informamos, ainda, que o corpo do policial será encaminhado para sua cidade natal, União da Vitória, no Paraná, onde deverá ser velado e sepultado.
 
 
Tenente Coronel PM Jefferson Schmidt
Comandante do 10º Batalhão de Polícia Militar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo Protegido !!