Homem que se passava por delegado de polícia é indiciado por estelionato e falsa identidade em Itajaí

Um homem de 29 anos que se passava por Delegado de Polícia para aplicar o golpe do falso aluguel, em Itajaí, foi indiciado pelo Polícia Civil da cidade por estelionato e falsa identidade. O caso ocorreu no dia 17 de junho deste ano, por volta das 12h, quando o indiciado, utilizando-se indevidamente da foto de um delegado do Estado, teria anunciado uma casa para aluguel, sem possuir qualquer vínculo com o imóvel, e não nem poderes para efetivar a referida locação.

Para fazer a reserva do imóvel, o autor do crime solicitava então um sinal em dinheiro e após efetuado o depósito pela vítima, ele bloqueava a conta e desaparecia com o dinheiro. No caso, o depósito apenas não se confirmou porque a vítima desconfiou da situação e procurou a Polícia Civil para que fosse realizada a investigação.

O autor já possui passagens policiais por furto e outros delitos de estelionato e o inquérito policial será concluído e remetido ao Judiciário e ao Ministério Público. Na maioria das vezes, os autores desses delitos, se vestem bem, tem cabelos bem cortados e sabem como incentivar a negociação.

Foto: Divulgação PCSC

error: Conteúdo Protegido !!