Juiz Sérgio Moro afirma que ‘refletirá’ sobre convite de Bolsonaro

Sérgio Moro, principal juiz na Operação Lava Jato, afirmou ontem (30) que refletirá sobre o convite do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), sobre a pretensão de tê-lo como ministro da Justiça ou do Supremo Tribunal Federal (STF).

Através da publicação de uma nota, o juiz federal revelou que está “honrado” pela indicação:

“Sobre a menção pública pelo sr. presidente eleito ao meu nome para compor o Supremo Tribunal Federal quando houver vaga ou para ser indicado para Ministro da Justiça em sua gestão, apenas tenho a dizer publicamente que fico honrado com a lembrança. Caso efetivado oportunamente o convite, será objeto de ponderada discussão e reflexão”, divulgou Moro.

A ideia de convidá-lo foi confirmada pelo próprio Bolsonaro. O presidente eleito disse ao Jornal Nacional, da “TV Globo”, que Moro “é um símbolo do Brasil” e afirmou que se encontrará em breve com o juiz em Curitiba para discutir o assunto.

Moro ganhou notoriedade por conduzir a Operação Lava Jato, sendo visto por diversas pessoas como um dos grandes símbolos da luta contra a corrupção. Em abril deste ano, o juiz ordenou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, após tê-lo condenado por corrupção e lavagem de dinheiro.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

 

Foto: Lula Marques / AGPT

error: Conteúdo Protegido !!